Adega de Pinga Alvarinha de Casco de Rolha Lança Nova Pinga

A Adega de Pinga Alvarinha de Casco de Rolha vai lançar uma nova pinga baptizada de seu nome "Malha Pão Dois e Quinze". Esta nova pinga alvarinha vai ser lançada após a vindima de dois e quinze. O "Malha Pão Dois e Quinze" vai ter três gamas, o "Malha Pão Dois e Quinze - Pomada", "Malha Pão Dois e Quinze - Mamamdo" e "Malha Pão Dois e Quinze - Zurrapa".
O "Malha Pão Dois e Quinze - Pomada" é um vinho de topo. Um vinho encorpado com sabor ao vinho estilo vinho caseiro de lavrador visto ser feito apenas de uvas não levando mais mixórdia nenhuma excepto a droga que toda a pinga branca leva para não se estragar.
O "Malha Pão Dois e Quinze - Mamado" vai ser uma pinga de gama mais baixa que o anterior o chamado vinho mais andadeiro. Este vai ser feito com duas medidas de pinga e meia de "auga de cu lavado" e vai levar um golinho de mixórdia para puxar um copo atrás do outro. É o vinho ideal para a tasca pois escorrega bem e quanto mais se bebe mais se quer beber e diga-se de passagem que escorrega bem e nem tem espinhas.
O "Malha Pão Dois e Quinze - Zurrapa" é uma pinga de muito baixa gama. Ele vai ter um ligeiro sabor a "eau de fossás" visto ser feito a martelo com "auga" da Ribeira de Casco, grainhas e bagaço moído e restos de uvas de outras pingas. Esta pinga é a chamada pinga de mantimento da gipose. Primeiramente o individuo bebe uma ou duas garrafinhas de "Malha Pão Dois e Quinze - Pomada" para esquentar bem a vela. Depois de esquentada a vela e o individuo estiver naquela fase de beber qualquer coisa dá-se-lhe o "Malha Pão Dois e Quinze - Zurrapa". Dizem os "pingólogos" da Adega de Pinga Alvarinha de Casco de Rolha que depois de o individuo estar bem quente pode beber à vontade o "Malha Pão Dois e Quinze - Zurrapa" que já não lhe sabe à mixórdia. Dizem até que sabe a a pato!
Enviar um comentário