Junta Autónoma das Valetas e Caminhos de Vacas Desenvolvem Nova Técnica de Sinalização

Caralhinho Tone o Presidente da Junta Autónoma das Valetas e Caminhos de Vacas de Casco de Rolga desenvolveu uma nova técnica de colocação de sinalização vertical em Casco de Rolha. Caralhinho Tone baptizou esta nova técnica de "Caminhos de Vacas à Inglesa". O porquê deste nome? Muito fácil! 
Caralhinho Tone decidiu que apartir de agora todas as sinalizações verticais colocadas em Casco de Rolha vão ser colocadas do lado esquerdo da via em questão, isto é, ou seja, contra a mão. Segundo Caralhinho Tone ao colocar os sinais do lado esquerdo da via, vai facilitar a visibilidade dos mesmos quando os piloto e/ou condutores das viaturas se encontrem em estado giposo grave. 
A medida já provocou polémica nomeadamente aos condutores de viaturas carrocilisticas puxadas por um ou mais cabrestos ou mesmo burros de carga. Segundo estes os cabrestos indo a alta velocidade torna-se quase impossível os mesmos conseguirem ver os sinais contra a mão. Segundo Tia Maria Badalhoca proprietária de uma Carroça Super Sport RS Bi Cabresto já veio a público dizer que quando os seus cabrestos vão a puxar a fundo vão vidrados e só vêem para a frente, sendo impossível ver os sinais contra a mão. Disse ainda que caso haja alguma castanhada não se responsabiliza por os seus cabrestos não verem os sinais de STOP ou de cedência de passagem.
O Confrade Mor da Real Irmandade da Nassa já veio a público felicitar Caralhinho Tone por se preocupar com a seguridade rodoviária da comunidade nasseira de Casco de Rolha.
Enviar um comentário